Em viagem a Brasília, deputado Natalino Lázare cobrou maior celeridade para assinatura dos convênios da portaria dos processos de credenciamento pelo SUS de UTI e leitos de retaguarda

Uma boa notícia para quem precisa dos serviços do Hospital Salvatoriano Divino Salvador (HSDS), em Videira. Em viagem a Brasília, na última quarta-feira, 27, o deputado Natalino Lázare buscou respostas no Ministério da Saúde sobre a tramitação dos processos para a habilitação de 38 leitos de Retaguarda Clínica na unidade, bem como para a habilitação de outros 10 leitos de UTI.

“Cumprindo acordo feito em reunião na última sexta-feira, 22, no gabinete do prefeito Dorival Carlos Borga, e da diretoria do HSDS, viajei até Brasília para saber o andamento destes processos e também para exercer uma pressão política para que a tramitação tenha maior celeridade. No encontro com a equipe do ministro, recebi a informação de que os processos já estão no gabinete do ministro Ricardo Barros para serem assinados na próxima quarta-feira, 4, para o benefício de Videira e toda região”, afirma de forma esperançosa o deputado Natalino, que contou com o apoio do Fórum Parlamentar Catarinense, coordenado pelo deputado federal João Paulo Kleinübing.

Na semana passada, o deputado Natalino Lázare recebeu expediente preocupante da direção do Hospital Salvatoriano Divino Salvador, de Videira. Em linhas gerais, além das questiúnculas burocráticas, a falta de repasses de recursos federais e estaduais é o principal problema enfrentado no momento pelo Divino Salvador. A instituição não recebe desde abril pelas chamadas cobranças administrativas de UTI. O SUS, do governo federal, também tem repasses em atraso com a unidade videirense. São serviços de internações e externos que foram executados e não pagos.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Confira os nossos Projetos de Leis
Acesse a nossa página no Facebook